Publicado em Geral, Jornalismo

Trabalhe de graça na Oktoberfest

Uma discussão andou envolvendo alguns jornalistas da cidade depois que a RBS lançou essa campanha aqui, onde vai escolher duas pessoas para fazer uma super cobertura da Oktoberfest desse ano. O motivo do inconformismo é simples e fácil de ser entendido: a RBS vai contratar duas pessoas pra trabalhar de graça, 8h por dia, por 30 dias. Vão trabalhar de graça, fazendo exatamente aquilo pelo que estudamos quatro anos e meio e nos especializamos para fazer.

É sacanagem a RBS não pagar sequer o piso de jornalista para essas pessoas? Olha, até É. Muito melhor seria se ela pagasse um bom salário para o par de comunicadores. Mas eles optaram por não oferecer nada além do almoço e do jantar. Escolha deles. Muita (MUITA!) gente vai se inscrever da mesma forma, sem sequer se preocupar com o fato de estar trabalhando de graça.

Eles querem aparecer. Não digo isso de forma preconceituosa, falo com o peito aberto mesmo. Essa é a realidade. E estão certos eles. Claro que trabalhar de graça na RBS não é bom para nós, jornalistas. Mas para uma cantora em início de carreira, por exemplo, é negócio sim. O que alguns de nós consideramos trabalho escravo, ela vai preferir chamar de “escalada para o sucesso”, ou de “oportunidade de ouro”, como ela preferir e soar mais bonito.

No fim das contas, creio que a pergunta é: Quanto vale a fama para você?

Para muitos, vale muito mais do que o piso de jornalista.

Anúncios

Autor:

Fábio Ricardo é jornalista blumenauense apaixonado pelo mundo digital, por inovação e por histórias pra contar. Acha que a vida é melhor cercada de gatos, em cima de uma Harley, com uma caneta na mão e uma cerveja em cima da mesa.

9 comentários em “Trabalhe de graça na Oktoberfest

  1. Essa RBS…
    Não é a tua que nunca fui muito com a cara dela…

    Thais, ninguém ia querer trabalhar por 3 semanas como advogado em uma penitenciária, mas certamente trabalhariam até mto mais tempo em um ultra-conceituado escritório de advocacia. Partindo desse ponto, toda profissão é prostituída.
    A RBS é a última bolacha do pacote, eles sabem que tem um monte de gente que topa trabalhar de graça para ter seus 15 min de fama, ou para aproveitar a “oportunidade de ouro” de trabalhar com a dona da comunicação no sul.

    Pensando bem, acho que vou entrar nesse concurso. HAHAHAHAHAHAHA

  2. Quando eu vi sobre esse concurso nao pensei nesses tais 15 minutos de fama, pensei em ver se é isso mesmo que eu quero fazer, ser jornalista.
    vou me inscrever, hehe

  3. Numa cidade que já formou duas turmas de Jornalismo (IBES Sociesc) isso é uma ofensa à profissão. E não me venham com esse papo de profissão protituída. Quem faz o perfil de uma profissão são os profissionais da área. Então, dizer que a profissão de jornalismo é prostituída é dizer que a maioria dos jornalistas o são. Eu acho que não.

  4. Hummm…

    E se eu não for jornalista por profissão, gosto da oktoberfest, “trabalho” de graça há vários anos como integrante de grupo folclórico e meu interesse seja apenas curtir essa experiência: é burrice?

    Sei lá… Acho que como o Fábio colocou, o foco não é contratar jornalistas. Só não concordo totalmente com o degrau para a fama.

    Pasmem: tem muita gente que, além de seu emprego regular, trabalha mesmo e de graça só pelo prazer. E não são prostitutas.

  5. haha, muito bom, Nackhals! Exatamente isso que você falou. E achei otimo o final “e nao sao prostitutas”, hehe.

    Usei o degrau para a fama apenas como um exemplo, pois se pra eles estava dificil entender que alguem vai trabalhar de graça, imaginei que seria ainda mais dificil entender que eles QUEREM trabalhar de graça.

    Mas concordo plenamente contigo. Nem todo mundo trabalha apenas para ficar rico.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s